BRASIL

Atriz Ruth de Souza morre no Rio aos 98 anos

Morreu na manhã deste domingo (28) a atriz Ruth de Souza, de 98 anos. Ela estava internada desde o começo da semana no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital Copa D’Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, vítima de uma pneumonia. A causa da morte não foi informada pelo hospital.

Com mais de 70 anos dedicados à dramaturgia, Ruth de Souza é ícone de várias gerações de atores. Ela foi pioneira ao longo de sua carreira: foi a primeira atriz negra a se apresentar no Theatro Municipal do Rio e a construir carreira na dramaturgia. Foi também a primeira brasileira indicada a um prêmio internacional de cinema – no Festival de Veneza de 1954.

O velório da atriz será nesta segunda-feira (29) no Theatro Municipal a partir das 8h. Na primeira parte, o velório será fechado para a família até 10h, segundo informações da assessoria do Theatro Em seguida, será aberto ao público até o meio-dia. Ainda não estão confirmados o local e horário do enterro.

O velório da atriz será nesta segunda-feira (29) no Theatro Municipal a partir das 8h. Na primeira parte, o velório será fechado para a família até 10h, segundo informações da assessoria do Theatro Em seguida, será aberto ao público até o meio-dia. Ainda não estão confirmados o local e horário do enterro.

Interessada em teatro, procurou e se uniu ao Teatro Experimental do Negro, grupo fundado por Abdias Nascimento e Agnaldo Camargo. Foi com o grupo que, em 8 de maio de 1945, atuou pela primeira vez no Theatro Municipal, que até então só tinha recebido atrizes brancas e ajudou a abrir as portas para artistas negras no Brasil. A peça encenada foi “O Imperador Jones”, de Eugene O’Neil.

Midori de Souza, sobrinha-neta de Ruth de Souza, falou da importância da tia para a dramaturgia.

“Ela merece essa homenagem da família, e os fãs também merecem, né, dar esse adeus para ela, porque a gente sabe que tem muita gente que gosta dela (…) Minha tia foi uma pessoa muito importante para a família toda. Uma pessoa de muita garra, uma pessoa que sempre deu conselhos, presente demais na família. Era tipo a matriarca da família”

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *