JUAZEIRO

VEREADORA NEGUINHA CRITICA UNIMED, MAS FICA CALADA COM O CAOS DA SAÚDE EM JUAZEIRO

Juazeiro verdadeiramente é a terra dos absurdos. A vereadora Neguinha da Santa Casa, cumpre o seu terceiro mandato parlamentar sempre defendendo a bandeira da saúde, embora nesses quase 12 anos a mesma não tem projetos aprovados que melhorou a qualidade da saúde em Juazeiro, o forte da vereadora é fazer assistencialismo e furar fila para marcação de exames e consultas para correligionários.

Falando em nome da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores de Juazeiro, a Vereadora Neguinha da ocupou a tribuna na sessão ordinária desta segunda-feira (02/09) para criticar a decisão da UNIMED de encerrar boa parte dos serviços hoje prestados no hospital da entidade localizado em Juazeiro.

Recentemente a UNIMED Vale do São Francisco decidiu transferir do hospital de Juazeiro, os atendimentos a partir das 20 horas de pacientes adultos para o hospital de Petrolina, numa total falta de respeito com os beneficiários do plano em Juazeiro.

Como também recentemente, o município de Juazeiro decidiu transferir para a UPA (que encontra-se num caos) a pediatria do Hospital Materno Infantil, numa total falta de respeito e cuidados com as crianças e os pais. Se a situação da UPA já é caótica, imagina agora atendendo crianças?

Outra situação que a vereadora não omitiu opinião, foi sobre a carta divulgada pelos médicos da UPA denunciando ao CREMEB e ao Ministério Público a situação dramática da rede de saúde de Juazeiro. Onde estava a vereadora Neguinha?

Na sua fala na tribuna da Câmara de Vereadores, a vereadora Neguinha foi aparteada pelo vereador Florêncio Galdino, que sugeriu um “boicote” à UNIMED: “Quando o usuário assinou o contrato a UNIMED se comprometeu a prestar serviços em Juazeiro, então uma ação coletiva pode obriga-la a manter os serviços contratados aqui”.

Não contente com a decisão da UNIMED a vereadora vocifera: “Não podemos aceitar o que a UNIMED está fazendo com o povo de Juazeiro” – destacou Neguinha e encerrou: “Amanhã vou dar entrada nessa Casa de um pedido de audiência pública com o pessoal da UNIMED e usuários”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *