JUAZEIRO POLÍTICA

Juazeiro: Nesta sexta-feira 13, Paulo Bomfim acusou o golpe

Esta sexta-feira (13), foi de muito mal agouro para o prefeito Paulo Bomfim (sem partido), embora seja o seu aniversário, e estavam preparando uma grande festa, que teria como culminância a sua filiação no Partido dos Trabalhadores. Correu a boca pequena, que o prefeito anunciou na jornada pedagógica deste ano, que Fernando Haddad e o ex-presidente Lula viriam para a sua festa de filiação.

Diante da grande rejeição histórica de Paulo Bomfim, parte do PT municipal, estadual e até o governador Rui Costa, estão receosos com a sua filiação ao PT, o partido não quer assumir o ônus de uma gestão com tantos desgastes. Embora o PT seja parceiro desde sempre dos desmandos de Isaac Carvalho em Juazeiro.

Mas o que fez o prefeito baixar um decreto suspendendo as atividades escolares na rede pública por 7 dias e os eventos públicos com participação superior a 100 pessoas?

O que fez o prefeito cancelar a inauguração da UBS do Novo Encontro, cuja construção iniciou em 2015, e não iriam mais do que 10 cargos comissionados?

O que fez o prefeito cancelar a sua festa de filiação ao PT?

O que houve com os amigos e aliados quem não renderam homenagens em outdoors?

Algumas pistas para as respostas.

– Estava marcado para sábado (14) o lançamento da pré-candidatura do coronel Anselmo Bispo a prefeito de Juazeiro. Um evento bastante divulgado e esperado pela militância do coronel. Será que o prefeito acusou o golpe, a Marretada do Coronel Anselmo foi forte, fez ele baixar um decreto com medo da multidão que poderia comparecer ao evento?

– Os alunos da Escola Municipal Antônio Francisco de Oliveira e do Colégio Estadual Arthur Oliveira, localizadas na comunidade do Salitre, que fizeram manifestação nesta quinta-feira (12) disseram que se houvesse um ônibus eles viriam para a frente da prefeitura ou para “prestigiar” a inauguração da UBS do Novo Encontro.

– Está marcado para o dia 15 (domingo) uma grande manifestação de apoio ao presidente Jair Bolsonaro, o evento está sendo articulado por simpatizantes do presidente de Juazeiro e de Petrolina.

– O PT já sabe que a filiação de Paulo Bomfim agrava uma crise existencial que partido vive, e existe a pré-candidatura de Gaspar Júnior, que somente abre mão da candidatura se houve prévias internas.

-O prefeito e a secretária não estão preocupados com o coronavirus ou com H1N1, a prova são as medidas pouco eficientes. A UPA continua com uma mesma porta para todas as emergências e misturando crianças e adultos. A criança que morreu de H1N1, está sendo feito monitoramento na escola ou com as pessoas que ela teve contato antes do óbito?

– Os aliados? Estão todos à espera do momento de pular fora do barco de Paulo Bomfim e de Isaac Carvalho. Perceberam que não somente afundam com eles, como afundam a cidade num endividamento sem precedentes.

A coisa mais temerária para o grupo do prefeito Isaac Carvalho é o povo nas ruas, enquanto eles puderam evitar movimentos de sindicatos e da população, terão folego para continuar arruinando as finanças do município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *