JUAZEIRO POLÍCIA

Quem matou David Roger e Adalberto Gonzaga, que tiveram os nomes envolvidos no escândalo do SAAE?

Passados mais de três anos da morte de Adalberto Gonzaga e quase dois meses da morte de David Roger, ainda não se sabe ao certo quem mandou matá-los e quais as motivações. A única coisa que se sabe é que ambos tiveram os nomes envolvidos no escândalo do SAAE, a maior autarquia municipal.

No ano passado a Justiça acatou a denúncia do Ministério Público da Bahia (MPBA) contra o diretor do Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE) de Juazeiro-BA, Joaquim Neto, que é apontado junto com David Roger Paixão Reis e Gabriel Gomes Amaral, por envolvimento no assassinato do ex-coordenador da Defesa Civil da cidade, Adalberto Gonzaga. O crime ocorreu no dia 23 de fevereiro de 2017. De acordo com denúncia, o crime foi motivado por uma divulgação de irregularidades em verbas recebidas pelo SAAE. O montante seria superior a R$ 6 milhões. 

Sobre a morte de Adalberto Gonzaga, David Roger sempre jurou inocência, afirmando que as acusações que pesam em seu desfavor baseiam-se em comentários falaciosos que desnortearam o Ministério Público na condução do caso. No mês de fevereiro deste ano ele soltou uma nota na imprensa reafirmando a sua inocência no homicídio.

Adalberto Gonzaga

Adalberto Gonzaga foi mortos a tiros por dois homens, dentro da casa onde morava, no bairro Piranga. Já David Roger esteve desaparecido durante cinco dias no mês de março deste, a sua família fez buscas nos hospitais, delegacias e entre amigos, notícias que pudessem esclarecer o seu desaparecimento repentino. O corpo de David foi encontrado carbonizado perto do Distrito de Juremal, o seu veículo foi encontrado dias depois incendiado.

David Roger

Horas antes de ser assassinado, Adalberto tinha ido ao encontro do radialista Waltemario Pimentel, da rádio Cidade. Segundo o radialista, Adalberto estava muito nervoso e disse que teria provas contra autoridades políticas de Juazeiro. Já David foi assassinado dias antes da primeira audiência do caso, o diretor do SAAE, Joaquim Neto, seria ouvido dia 01/04/2020, mas a audiência foi adiada em virtude da pandemia do coronavírus.

Alguns familiares de David Roger estão apreensivos com o curso das investigações sobre a morte do mesmo, eles não confiam que o caso será elucidado e que os culpados ou as motivações serão esclarecidas.

9 Replies to “Quem matou David Roger e Adalberto Gonzaga, que tiveram os nomes envolvidos no escândalo do SAAE?

  1. Infelizmente hj estão ambos mortos, os familiares de David não estão apreensivos por conta de investigações se estão em rumo certo ou não, estão abalados por não terem mais a presença do mesmo em casa.
    Para eles o que pouco importa é quem fez ou quem deixou de fazer o que fazem é somente entregar a Deus e a justiça dele há de ser feita.

    1. Boa noite Deyse, precisamos sim lutar para que inocentes não morram. A justiça deve ser provocada para dar respostas.
      Ao tempo que lamentamos a morte violenta e prematura de David Roger

  2. Solicitamos ao responsável pela pastagem sensacionalista, associando o nome de Adalberto de Carvalho procurar se informar melhor antes de pública a notícia confusa quanto essa. Só para informar; Adalberto de Carvalho Gonzaga, trabalhava como servidor público municipal, o mesmo não teve o nome envolvido em nenhum escândalo essa natureza, como foi colocado por esse Blog.
    Em segundo, quanto ao nome do David citados no post, segundo informações da promotoria, era uma miliciano, um bandido, envolvido na indústria do crime da região, em relação, ao escândalo da instituição SAAE, como foi colocado no post, cabe a imprensa investigar é esclarecer a população é apontar os verdadeiros envolvido. Vale esclarecer que Adalberto de Carvalho era um trabalhador, servidor público, pai de família, vítima da violência,aqui na região, portanto não cabe ter o seu nome associados ao de bandidos.
    Portanto, Deixo aqui registrado que a família de Adalberto repudia,não admiti falácia dessa natureza envolvendo nosso irmão, ao mesmo tempo que o uso da imagem de Adalberto, por assim dizer, solicitamos aos responsável pela notícia falaciosa, que retire, dele-te, imediatamente o poste envolvendo o nome e à imagem de Adalberto a bandidos, o que para a família foi um de desrespeito à memória do nosso irmão por parte dos integrantes desse blog, que até então, tinha o nosso respeito. Portanto, solicitamos que retire imediatamente da rede a informação desrespeitosa a memória do nosso irmão Adalberto Gonzaga. Cordialmente.

    1. Boa noite, Em momento algum a matéria desrespeita a memória do nosso amigo Adalberto Gonzaga. O que Adalberto e David fizeram nas suas vidas terrenas não é objeto da matéria. O que traz é que ambos tiveram os seus nomes envolvidos no “escândalo ou caso” SAAE. Isso é fato. Se eram inocentes ou culpados não lhes foi dada a oportunidade de provar. Quem diz sobre desvio de recursos público no SAAE é o Ministério Público do Estado Bahia, o que não desejamos é que mais vidas sejam ceifadas violentamente sem identificar os autores as suas motivações.
      Reafirmamos o nosso compromisso com a justiça, e para isso nos propusemos a fazer a divulgação do fato.

  3. Solicitamos ao responsável pela pastagem sensacionalista, associando o nome de Adalberto de Carvalho procurar se informar melhor antes de pública a notícia confusa quanto essa. Só para informar; Adalberto de Carvalho Gonzaga, trabalhava como servidor público municipal, o mesmo não teve o nome envolvido em nenhum escândalo essa natureza, como foi colocado por esse Blog.
    Em segundo, quanto ao nome do David citados no post, segundo informações da promotoria, era uma miliciano, um bandido, envolvido na indústria do crime da região, em relação, ao escândalo da instituição SAAE, como foi colocado no post, cabe a imprensa investigar é esclarecer a população é apontar os verdadeiros envolvido. Vale esclarecer que Adalberto de Carvalho era um trabalhador, servidor público, pai de família, vítima da violência,aqui na região, portanto não cabe ter o seu nome associados ao de bandidos.
    Portanto, Deixo aqui registrado que a família de Adalberto repudia,não admiti falácia dessa natureza envolvendo nosso irmão, ao mesmo tempo que o uso da imagem de Adalberto, por assim dizer, solicitamos aos responsável pela notícia falaciosa, que retire, dele-te, imediatamente o poste envolvendo o nome e à imagem de Adalberto a bandidos, o que para a família foi um de desrespeito à memória do nosso irmão por parte dos integrantes desse blog, que até então, tinha o nosso respeito. Portanto, solicitamos que retire imediatamente da rede a informação desrespeitosa a memória do nosso irmão Adalberto Gonzaga. Cordialmente.

    1. Boa noite, Em momento algum a matéria desrespeita a memória do nosso amigo Adalberto Gonzaga. O que Adalberto e David fizeram nas suas vidas terrenas não é objeto da matéria. O que traz é que ambos tiveram os seus nomes envolvidos no “escândalo ou caso” SAAE. Isso é fato. Se eram inocentes ou culpados não lhes foi dada a oportunidade de provar. Quem diz sobre desvio de recursos público no SAAE é o Ministério Público do Estado Bahia, o que não desejamos é que mais vidas sejam ceifadas violentamente sem identificar os autores as suas motivações.
      Reafirmamos o nosso compromisso com a justiça, e para isso nos propusemos a fazer a divulgação do fato.

      1. Não estou aqui construindo nenhum debate continuo. É óbvio que nesse caso, os responsáveis pelo blog estão agindo de forma incoerente com aquilo que até então, como leitor do Opera, eu havia lido é observado nessa home pág. portanto algo incomum para esse importante veículo de informação aqui na região
        A meu ver, o blog faltou com ética e moral que lhe é peculiar, sendo incoerente com o jornalismo praticado antes na história desse blog.

        Quanto o que eu fiz na condição de irmão de Adalberto foi solicitar, ao blog que retirasse da página á notícia falaciosa., caso não atenda a nossa solicitação feita anteriormente reiterada agora, pela família de Adalberto, ou seja, se o post continuar sendo o exibido tal como foi pública na pagina desse blog, uma tentativa de associação aos demais citados na matéria, o que para nós é um insulto, um desrespeito a memória é familia de Adalberto.

        Longe de querer ser melhor do que outro ser humano aqui na terra, porém, exclusivamente, nesse caso, a associação da imagem do nosso Irmão Adalberto de Carvalho aos demais citados pelo blog é para nós uma ofensa moral. Não admitimos em hipótese alguma a associação dos opostos casos, até que se prove o contrário, tratar-se de mera dedução conduzindo ao erro, em conseguinte, a má interpretação da população, possibilitando um julgamento precoce.

        Portanto, deixo aclaro, que não estamos interessados em nenhum outro caso, diferente do nosso ocorrido com Adalberto, até porque, isso não ajudaria em nada no sentido de elucidar o caso, que já teve o inquérito concluído pelo ministério público é encaminhado à justiça. Portanto, trata – se de uma falácia, caso insistam em continuar com o post disponível na página do blog, tal como foi montada e exibida de forma sensacionalista, claramente atendendo interesses outros, contrariando nossa família. Devo alerta-los diante do constrangimento caudado, que não se tratará mais aqui, de uma solicitação é sim, de uma ação judicial contra o blog Opera.

        Nada contra o Blog Opara, qual inclusive sou leitor e sempre levei a sério o que li em sua pagina, espero contar com a bom senso da redação do Opara, no sentido compreender os motivos da nossa solicitação. Nunca foi a intenção da família utilizar dos meios legais contra esse blog, como qualquer outro, mas os responsáveis pelo blog deve compreender, que se insistirem em manter o tal poste onde faz uma associação da imagem de Adalberto com os demois, aí então, seremos obrigado a usar os meios legais, possíveis, para impedi a notícia falaciosa vendida pelo o blog. No mas, estamos à disposição, porquê não sentamos a mesa é aí sim, colaboráramos positivamente, para elucidação do caso. Cordialmente.

  4. A família de David também repudia a publicação, pois como citado sua morte aconteceu em menos de dois meses e ainda estão muito abalados com o que aconteceu e a forma que aconteceu, e que independente de acusação falaciosas (palavras do próprio David) ele também era pai provedor de sua família.
    A família de David não se pronunciou a blog nenhum para se queixar do rumo das investigações.
    Agora me questiono se David era esse criminoso, miliciano é bandido que citaram, como foi morto de uma forma trágica e como foi vítima da violência da região.
    Inclusive o mesmo buscava provar sua inocência junto ao ministério público é coincidentemente foi encontrado 1 (um) dia antes da sua audiência onde provaria sua inocência. (Segundo ele)

    1. Boa noite Deyse,
      A matéria não entre no mérito da vida de David, mas no sentido de que ele como Adalberto Gonzaga foram vitimas de crime de homicídio, e traz como coincidência o fato de ambos terem os seus nomes envolvidos no escândalo ou caso de desvio de recursos públicos no SAAE. Quem manteve contato com a gente foi uma pessoa que é parente sim do David, inclusive já acionamos ela para esclarecer se é ou não um posicionamento da família ou de parte família.
      Ao tempo, que lamentamos muito a morte prematura de David, e momento algum o objetivo foi trazer qualquer tipo de desconforto para a família, e sim clamar por justiça.

Deixe uma resposta