JUAZEIRO POLÍTICA

Eleições 2020: O valente Irmão Francisco, diz não ao coroné Isaac Carvalho

Nascido em um lar honesto e humilde, Francisco Oliveira, “Irmão Francisco”, começou a carreira política no movimento estudantil. Foi eleito vereador e vice-prefeito em Juazeiro, sempre trabalhando pela causa dos menos favorecidos.

Após o término do mandato de vice-prefeito, em 01 de janeiro de 2017, Francisco Oliveira sentiu na pele a ingratidão e indiferença política da atual gestão. Não teve cargos relevantes, poderia ter sido convidado para ser secretário ou ocupar cargos de destaque, principalmente por sua trajetória e experiência política, mas foi bem aproveitada para o crescimento do município.

Ao se filiar no PDT – Partido Democrático Brasileiro, Irmão Francisco, viu a esperança de novamente defender o povo no legislativo. O PDT esteva na base do prefeito Paulo Bomfim (PT), mas almejava outros voos depois das eleições desse ano. O partido montou um elenco candidatos competitivos e que traz a possibilidade de fazer pelo menos três vereadores.

No mês de setembro, durante as convenções o partido rompeu com o prefeito Paulo Bomfim, e aí começaram as ameaças e propostas, principalmente do prefeito Isaac Carvalho, que durante uma reunião, segundo fontes ligadas ao Irmão Francisco, com alguns candidatos do PDT, teria feito propostas e ameaças caso não apoiasse a reeleição de Paulo Bomfim.

Mas os dias humilhações chegaram ao fim, o valente Irmão Francisco disse não ao coroné Isaac Carvalho, e decidiu juntamente com o seu partido, apoiar a chapa encabeçada por Suzana Ramos (PSDB).

Para Francisco Oliveira, o que conta hoje é a experiência e independência, para defender os interesses da sociedade Juazeirense. “Defenderemos a instituição família tradicional, políticas públicas para quem mais precisa e a ética no poder legislativo”, ressaltou Irmão Francisco.

One Reply to “Eleições 2020: O valente Irmão Francisco, diz não ao coroné Isaac Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *