SAÚDE

HOSPITAIS ALBERT EINSTEIN E SÍRIO-LIBANÊS FECHAM PARCERIAS COM O HU – UNIVASF, PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROJETOS NA UNIDADE

O Hospital da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf) foi aprovado em duas seleções do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS) e receberá o apoio dos hospitais Albert Einstein e Sírio-Libanês para a execução de projetos que visam a otimização nos processos e fluxos hospitalares.

Os trabalhos iniciarão a partir de agosto de 2019 e serão direcionados em duas áreas: inovação tecnológica e resolutividade na urgência e emergência. Os colaboradores do HU-Univasf participarão de reuniões e workshops ministrados pelas equipes dos hospitais paulistas que também farão visitas à unidade para desenvolver estratégias de acordo com a realidade do HU e da região.

O Hospital Sírio-Libanês implementará o “Lean nas Emergências”, filosofia de gestão voltada para o aperfeiçoamento de processos baseada em tempo e valor, desenhada para assegurar fluxos contínuos e eliminar desperdícios e atividades de baixo valor agregado. De acordo com o superintendente do HU, Ronald Mendes, o projeto tem como objetivo reduzir o número de pacientes internados nos corredores e a sobrecarga de trabalho das equipes assistenciais.

“Os hospitais que participam obtiveram sucesso por meio da organização e obediência aos fluxos estabelecidos e, principalmente, pelo engajamento dos profissionais. Assim, como nossos profissionais buscam cotidianamente a melhoria do serviço prestado ao usuário, espero que colhamos os melhores frutos desta parceria, mesmo com a demanda fora do nosso perfil assistencial e muito além de nossa capacidade instalada”, comentou.

A inovação e incorporação tecnológica como suporte ao planejamento e desenvolvimento de políticas e ações em saúde será a área de atuação do Albert Einstein. O HU receberá dois protótipos a serem implantados para que atendam positivamente a comunidade local, e a transferência de metodologia de Design Thinking, forma de resolver problemas, elaborar produtos e pensar projetos baseada no processo cognitivo que os designers usam, através de pesquisas, brainstorms, seleção de ideias, entre outros.

O Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS) é uma iniciativa do Ministério da Saúde para promover o fortalecimento do sistema de saúde. Instituído pelo Decreto nº 2.536, de 7 de abril de 1998.

O programa é financiado com recursos de isenção fiscal (COFINS e cota patronal do INSS), concedidos aos hospitais filantrópicos de excelência que apoiam a promoção da melhoria das condições de saúde da população brasileira. Mais de 400 projetos foram executados e cerca de 4 bilhões de reais já foram investidos no SUS.

O Ministério define os temas a partir das prioridades em saúde do país e os hospitais parceiros apresentam projetos para serem executados em um período de três anos. São cinco áreas de atuação: Estudos de avaliação e incorporação de tecnologias; Capacitação de recursos humanos; Pesquisa de interesse público em saúde; Desenvolvimento de técnicas e operação de gestão em serviços de saúde; Assistencial.

Ascom Univasf

One Reply to “HOSPITAIS ALBERT EINSTEIN E SÍRIO-LIBANÊS FECHAM PARCERIAS COM O HU – UNIVASF, PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROJETOS NA UNIDADE

  1. Em breve vamos sim, mostrar quem foi, quem é, e quem queremos para mudar Juazeiro…

    Quem desejar mudar de pingue-pongue… mudar o jogo de verdade, poderá escolher se pinga na festa circense, se ponga nas caravanas da mentira ou se AVANÇA e se liberta dos grilhões dos grupinho e do atraso.

    Cansado de enganação?
    LIMPE Juazeiro com:
    L egalidade
    I mparcialidade
    M oralidade
    P ublicidade
    E ficiência

    AVANTE Juazeiro!
    Não precisamos de muito para fazer muito!

    AVANTE 70! LIMPE Juazeiro!!

    http://www.geraldojose.com.br/mobile/index.php?sessao=noticia&cod_noticia=118494

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *