JUAZEIRO SAÚDE

Coronavírus: SAAE faz contratos com empresa que chegam a 55 milhões. Privatização velada?

Quem pensa que o coronavírus vai causar destruição em Juazeiro, não conhece as artimanhas de Paulo Bomfim, Isaac Carvalho e Joaquim Neto. Longe de serem três figuras distintas, eles são uma mesma entidade. Agem partindo da mesma motivação: manter-se no pode, ainda que a cidade seja destruída. Quem se importa? Eles não são filhos de Juazeiro mesmo.

No mês de janeiro de 2019, o SAAE celebrou contrato com a empresa METRO ENGENHARIA E CONSULTORIA LTDA, com sede em Salvador, no valor de 36 milhões de reais, com prazo de 60 meses, para a prestação de serviços técnicos especializados com a finalidade de implementar programa de redução de perdas APARENTES de água.

O resultado desse contrato foi o aumento nas contas dos usuários do SAAE, o que gerou reclamações diversas, e ainda continua gerando.

Nesta segunda-feira (23), no mesmo dia em que se anuncia o primeiro caso de coronavírus em Juazeiro, o SAAE torna público o resultado da concorrência nº 091/2020, que tem como vencedora a empresa METRO ENGENHARIA E CONSULTORIA LTDA, que ganhou um contrato no valor de 18 milhões, para a prestação de serviços de manutenção dos sistemas de saneamento básico do município de Juazeiro.

contrato – saae – metro engenharia

O SAAE contrata empresa para realizar serviços que consta nas suas atribuições enquanto autarquia municipal, que é de promover a manutenção do sistema de saneamento básico da cidade.

A METRO ENGENHARIA E CONSULTORIA LTDA, é uma empresa ligada a família do deputado estadual licenciado e secretário de Saúde de Salvador, Léo Prates, que já foi do DEM, ligado ao prefeito ACM Neto. Quando ainda era vereador, em 2014, Léo Prates quase sai as vias de fato com o então vereador Marcell Moraes, justamente por Marcell  ter feito um pronunciamento duro questionando a empresa Metro, que é do primo de Léo Prates e presta serviços para a prefeitura de Salvador, recebendo 120 milhões em 2014.

Hoje, a empresa tem contratos com diversas prefeituras, muitas delas ligadas ao governador Rui Costa (PT), presta serviço para a Embasa e tem contratos com órgãos estaduais. A METRO declara capital social de 21 milhões, e faturamento entre 700 milhões a 4 bilhões. Assusta ver o quanto a empresa cresceu nos últimos dez anos.

A METRO deve ser uma empresa muito diferenciada mesmo, consegue contratos com a prefeitura no valor de 55 milhões, cerca de 10% da receita do município e quase a receita anual do SAAE em 2019.

No dia 17 deste mês, quando decretou o Estado de Emergência em Saúde Pública, o prefeito Paulo Bomfim (sem partido) contratou uma empresa que supostamente pertence ao ex-prefeito de Petrolina, Julio Lóssio, no valor de quase 3 milhões sem licitação. Hoje, ao anunciar o primeiro caso positivo de coronavírus, o SAAE faz contrato de 18 milhões. Pelo visto, o prefeito está adorando a pandemia do coronavírus, deve está louco que ela não acabe pelos próximos três meses.

One Reply to “Coronavírus: SAAE faz contratos com empresa que chegam a 55 milhões. Privatização velada?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *