JUAZEIRO

Comitê 9840 entra com ação contra a SECULTE por patrocínio de R$ 57 mil em evento religioso

Conforme já tínhamos (link abaixo) divulgado que a SECULTE tinha patrocinado mais de R$ 57 mil na Marcha para Jesus em Juazeiro, no dia 20 de julho de 2019. Davi Lima, o incansável comunitário que tem lutado contra as forças malinas que dominam Juazeiro, é o Coordenador Estadual do Comitê contra a corrupção.

Ele anunciou em vídeo que circula nas redes sociais que ingressou com uma ação de denúncia no Ministério Público Estadual para investigar o patrocínio ilegal por parte da Secretaria para a organização da Marcha.

“Deus é dono do ouro e da prata, não precisa de dinheiro de corrupção para anunciar a sua palavra, e não aceita corrupção de ninguém!”

O Coordenador do Comitê, tem como base para a propositura da ação o Artigo 19 da Constituição Federal que veda a União, os Estados, Distrito Federal e aos Municípios estabelecer cultos religiosos ou igrejas, subvencioná-los, embaraçar-lhes o funcionamento ou manter com eles ou seus representantes relações de dependência ou aliança, ressalvada, na forma da lei.

JUAZEIRO: SECULTE PAGOU MAIS DE 57 MIL EM EVENTO RELIGIOSO

Confira o vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *