JUAZEIRO

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA A OPERAÇÃO CONTRA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA QUE AGE EM JUAZEIRO

Na manhã desta terça-feira (03) foi realizada a operação PARLATÓRIO que visava combater uma ORCRIM que era comandada por internos do Conjunto Penal de Juazeiro que utilizavam familiares e comparsas que estão em liberdade para a venda de Entorpecentes.

A investigação teve início em janeiro do ano em curso, com a prisão de traficantes realizada pela Polícia Civil, quando foi possibilitado o desenvolvimento das ações para identificação do grupo criminoso, tendo sido realizada representação pela interceptação dos Terminais Telefônicos que eram utilizados pelos detentos para encaminhar as ordens para venda dos entorpecentes sendo autorizado pelo poder Judiciário e iniciada a operação de monitoramento dos terminais.

A operação contou com a participação da Superintendência de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia, sendo possível a identificação dos presos que comandavam a venda é das pessoas que os auxiliaram do lado de fora, sendo nesta data deflagrada a operação para cumprimento de mandados de busca e apreensão e de Prisão Preventiva, tratando-se de um mandado de busca e apreensão realizado no pavilhão B, do Conjunto Penal de Juazeiro, local onde estão custodiados os investigados, tendo participado da ação, realizada nesta data, policiais civis lotados na DTE/JUA, no SI da 17ª COORPIN, Policiais Militares lotados na RONDESP NORTE e os Monitores de Ressocialização do Conjunto Penal de Juazeiro.

Resultado da OPERAÇÃO PARLATÓRIO:

– 02(duas) prisões em flagrante por tráfico de drogas sendo presas:
▪ CLAUDIANE RAIANE MONTEIRO DOS SANTOS e
▪SANDRA APOLI VALÊNCIO, respectivamente companheira e genitora de um interno do CPJ;

– 04 Cumprimentos de Mandado de Prisão Preventiva realizadas no Conjunto Penal de Juazeiro, em desfavor dos internos;
▪RILDSON PABLO LOPES DE SOUZA;
▪JEFERSON REIS DE JESUS,
▪ARABELA CRISTINA SANTOS SILVA;
▪HUGO DE MACEDO.

Apreensões Realizadas:

▪150( cento e cinquenta gramas de cocaina);
▪R$ 600,75 (seiscentos reais e setenta e cinco centavos) em dinheiro;
▪01 balança de precisão;
▪04 aparelhos celulares.

Material apreendido no interior do Conjunto Penal de Juazeiro.

– 06(seis ) aparelhos celulares

Durante o curso da investigação, que culminou com a OPERAÇÃO PARLATÓRIO foram instaurados 03 ( três) Inquéritos Policiais, com base nas investigações Policiais e nos relatórios Técnicos da Superintendência de Inteligência do Estado da Bahia em relação aos envolvidos na ORCRIM com apreensão de entorpecentes, sendo:

▪IP 06/19-DTE de 09/01/19 que resultou na prisão de IANCA SANGELA VALENCIO, companheira de um ex-interno , que saiu do CPJ há cerca de dois meses e irmã de outro detento, IANCA é filha de SANDRA APOLI e cunhada de CLAUDIANE que foram flagrateadas hoje, sendo apreendido na ocasião entorpecentes e dinheiro;

▪IP de n 095/19-DTE de 17 de maio de 2019 que resultou na apreensão de entorpecentes e no Indiciamento de ARABELA CRISTINA SANTOS SILVA, teve mandado de prisão preventiva cumprido hoje;

▪IP 98/19 DTE que resultou na prisão em flagrante de ARABELA CRISTINA SANTOS SILVA e na apreensão de entorpecentes e dinheiro.

Outros integrantes da ORCRIM tiveram mandados de prisão preventiva expedido e diligências continuam sendo realizadas para cumprimento dos mandados.

Fonte: DTE/JUAZEIRO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *