JUAZEIRO SAÚDE

Juazeiro: Mulher tem placenta ‘esquecida’ durante o parto na Maternidade

A emoção de ser mãe quase se transformou em pesadelo para a jovem Jessica Gomes da Silva, de 21 anos. Ela teve complicações depois de dar à luz a uma menina na Maternidade Municipal de Juazeiro, no dia 15. O profissional que fez o parto não retirou de seu corpo toda a placenta que envolvia o bebê.

Liberada, Jessica foi para a casa no Distrito de Maniçoba e começou a se sentir mal dois dias depois do parto, tendo febre alta e dores na barriga. Assustada, sua mãe, a dona de casa Aleciana Gomes da Silva, levou a filha ao banheiro e percebeu que estava saindo resto de parto de Jessica, foi retirado cerca de um balde de material placentários.

Segundo Aleciana Gomes a filha teve várias idas e vindas até o parto acontecer, inclusive a bolsa rompeu no dia em que Jessica teve o bebê. E para ser internada após o parto, foi necessário a intervenção de um vereador da cidade, o mesmo pediu a família que não divulgasse que ele iria “resolver” com a secretária de Saúde.

Nesse domingo (24) nove dias após o parto, Jessica ainda se encontra internada na Maternidade, sem saber quando será liberada.

Até quando mães sofrerão? Até quando crianças morrerão? Até quando a SESAU não abrirá um procedimento administrativo para responsabilizar os profissionais? Até quando essa conivência? Será porque são mulheres pobres?

Não conseguimos contato com a Secretaria Municipal de Saúde.

Confira o vídeo da senhora Aleciana:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *