JUAZEIRO POLÍTICA

Juazeiro: Prefeito bolsonarista? Ele disse que vai comprar mais armas para a guarda municipal

Durante o debate promovido pela redeGN, no último dia 07, o prefeito Paulo Bomfim (PT) foi enfático em afirmar que vai comprar mais armas para a guarda municipal, o prefeito faz o movimento contrário a política de desarmamento dos movimentos sociais em todo país.

Embora seja legítimo o prefeito querer armar a guarda municipal, principalmente porque a instituição faz parte do contexto dos órgãos de segurança pública.

O que surpreende na afirmação do prefeito é que o Partido dos Trabalhadores tem encampado vários movimentos contra a política armamentista do governo Bolsonaro. Inclusive todo aquele que defende essa política é um bolsonarista, e muitos policiais militares que foram mortos nesses últimos 2 anos, a  exemplo da policial militar da Bahia, Sylvia Rafaella Gonçalves Pereira, de 38 anos, que foi morta pelo ex-marido, teve a sua morte banalizada e politizada pela Revista Fórum, simplesmente porque a policial postava fotos com arma (natural, ela era policial e defendia o ingresso das mulheres na corporação).

No mesmo debate, o prefeito pouco falou dos seus projetos e ações no campo social, repetiu feito um papagaio adestrado as frases prontas do marqueteiro: “Fomos a primeira cidade…”,”Juazeiro tem a melhor educação”, “Fomos o governo que mais realizou obras…”

Algumas ações são mais importantes do que armar a guarda municipal, a exemplo do projeto de uma guarda comunitária, as políticas de criar oportunidade de emprego e renda para jovens, criação de espaços e oportunidades de convivência, projetos de cultura e esportes, trabalhar com cursos de qualificação para os jovens que saem do sistema socioeducativo e do sistema carcerário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *