BRASIL

Entidades pedem o tombamento estadual da Serra do Curral, em Minas Gerais

Projetos para retomar a mineração na Serra do Curral estão em processo de licenciamento ambiental no Governo do Estado de Minas Gerais e precisam ser parados.

Além de contornar Belo Horizonte e fazer parte da história da nossa cidade, a Serra do Curral é um espaço de preservação de vegetação nativa.

Guarda importantes nascentes de rios que abastecem a Região Metropolitana e é o habitat de várias espécies.

O avanço da mineração poderá trazer inúmeros prejuízos para Belo Horizonte. O barulho excessivo das operações, as explosões por dinamites, a desestabilização das rochas e a poeira gerada pelo empreendimento prejudicariam consideravelmente a saúde dos moradores da região do Aglomerado da Serra, do Taquaril e do Mangabeiras, por exemplo.

Podemos citar também a piora da qualidade do ar, os danos permanentes à paisagem e o risco à segurança hídrica da região metropolitana como alguns dos problemas causados diretamente por essa atividade minerária.

O tombamento a nível estadual de todo o conjunto da Serra do Curral garante a manutenção do contorno da Serra e previne a instalação de novos empreendimentos minerários que ameaçam a integridade desse patrimônio dos belo-horizontinos e dos mineiros.

Para isso, é essencial que a sociedade se engaje nessa causa e nos ajude a pressionar o governo do Estado e o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA) para garantir a proteção da Serra por meio do tombamento estadual.

Assine o abaixo-assinado e compartilhe com seus amigos. Tombe a Serra do Curral

Tombe A Serra do Curral

Deixe uma resposta