JUAZEIRO PETROLINA

Coronavírus: Professora cobra transparência nas informações divulgadas pelas prefeituras

Circula nas redes sociais um texto da professora Vera Medeiros, o texto traz considerações importantes para os gestores de Juazeiro e Petrolina. Confira:

É consenso que, após declarada a contaminação comunitária pelo Coronavírus em Juazeiro, faz-se obrigatório o controle mais rígido de cuidados sanitários e de distanciamento social na cidade.

E, para que isso seja mais eficaz, a Secretaria de Saúde de Juazeiro tem a obrigação de disponibilizar à imprensa o mapeamento, por bairro, de incidência dos casos confirmados e também dos suspeitos (já que os resultados têm sido tardios, expondo as pessoas a riscos). Inclusive, os hospitais particulares devem ser obrigados a passar ao município informações sobre suspeitos internados.

Isso já vem sendo feito em Salvador, Recife e várias outras cidades, de modo que a população dos locais mais afetados tem intensificado os cuidados, com base nas informações.

Analisemos a necessidade, por exemplo, de que os bairros com maior incidência de casos tenham a higienização das ruas, a higienização dos transportes públicos e a intervenção educativa intensificadas. São ações que estão sob a responsabilidade da Prefeitura, que pode agir através da Secretaria de Saúde, da Educação e também em parceria com as empresas de transporte atuantes em cada área.

E, em se tratando de duas cidades tão próximas, tão entrelaçadas em suas atividades diárias (Juazeiro e Petrolina), a Secretaria de Saúde do lado pernambucano tem a mesma obrigação. Consideremos ainda que as pessoas que não podem ficar em casa, por terem de trabalhar, precisam estar mais protegidas com essas informações e suas consequentes ações.

A população tem o direito de saber. Já passou da hora de a informação exercer seu papel mais efetivo nesse contexto que, em muitos casos, não foi entendido ainda por grande parte da sociedade local – principalmente, a de Juazeiro.

O que digo aqui requer o olhar atento e cuidadoso dos prefeitos Miguel Coelho e Paulo Bonfim. Será crucial para o que virá nos próximos 15 dias.

Vera Medeiros                                                                                                    Professora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *